StoreWindows10

Enchentes históricas assolam o estado do Texas nos EUA

Após a passagem do furacão Michael pelos estados do sudeste dos Estados Unidos, agora o estado do Texas que está sendo castigado por inundações históricas! Chuvas fortes têm atingido a região nos últimos dias, causando o transbordamento dos principais rios e reservatórios.

Paola Bueno Paola Bueno 17 Out. 2018 - 19:08 UTC
Inundações de grandes proporções tem atingido os condados localizados na porção central e sul do estado do Texas. Fonte: Texas Game Warden.

O estado do Texas, nos Estados Unidos, está sendo castigado por fortes chuvas e inundações catastróficas nos últimos dias. As localidades mais prejudicadas são os condados situados na porção central e sul do estado, próximos a capital Austin.

De acordo com os meteorologistas, o choque de uma poderosa frente fria com o ar quente e úmido vindos dos trópicos resultou em uma onda de fortes chuvas na região. Algumas localidades na porção central do Texas já receberam cerca de 100 a 200 mm de chuva entre os dias 12 e 16, o equivalente ao acumulado esperado para todo o mês de outubro.

Muitos rios, lagos e córregos transbordaram ou estão prestes a transbordar. O Rio Lhano, um afluente do rio Colorado, aumentou de nível rapidamente nos últimos dois dias, alcançando a marca de 40 pés (cerca de 12.2 metros) no condado de Lhano, o mais alto nível registrado em 83 anos e o segundo mais alto de todo o histórico de observações, ficando um pouco abaixo do nível de 41.5 pés (cerca de 12.6 metros) registrado em 1935.

Devido a força das águas, uma ponte que cruzava o rio Lhano, próxima de Kingsland, foi completamente destruída e suas partes foram levadas pela correnteza. Até agora uma morte foi confirmada, dezenas de casas foram destruídas e diversas pessoas tiveram que ser evacuadas de suas residências. O governador Greg Abbott declarou estado de emergência em 18 condados do estado.

Enquanto isso, o lado leste dos Estados Unidos ainda está lidando com os grandes prejuízos causados pela passagem do furacão Michael. Até agora 29 mortes já foram confirmadas, 19 no estado da Flórida, 6 na Virgínia, 3 na Carolina do Norte e 1 na Geórgia. Mais de mil pessoas continuam desaparecidas e centenas de milhares continuam sem energia elétrica.

Previsão para os próximos dias

Ainda chove forte sobre algumas localidades do Texas no dia de hoje e as previsões indicam que a chuva deve continuar. Uma nova incursão de ar quente e úmido vindo do Golfo do México pode ocasionar em mais chuvas fortes no estado. Como o solo já está supersaturado, as chances de inundações são ainda maiores e mesmo quando as chuvas cessarem, o perigo ainda será grande até o nível da água diminuir.

Publicidade