Barragem se rompe e água invade cidades no norte da Bahia

Fortes chuvas podem ter contribuído para o rompimento de uma barragem em Pedro Alexandre no norte da Bahia, atingindo ao menos 2 municípios. As imagens mostram a força da correnteza.

Tiago Robles Tiago Robles 11 Jul. 2019 - 21:59 UTC

No fim da manhã desta quinta-feira (11), por volta das 11h, uma barragem ao norte da Bahia a jusante do Rio do Peixe, provocando o deslocamento de grande volume de água e a inundação dos municípios de Pedro Alexandre e Coronel João Sá. As prefeituras das duas cidades decretaram estado de calamidade e emergência.

Desde o inicio da semana vem chovendo muito na região devido à presença de uma frente fria, que também provocou chuvas torrenciais no leste paulista na semana passada. A atuação dos ventos de leste, que transportam umidade do oceano para o continente, e a formação de um cavado (região instável), também contribuíram a persistência das chuvas e para os altos volumes, que desde a segunda-feira (08) acumularam por volta de 180mm.

Segundo as autoridades de Pedro Alexandre, o temporal desta manhã ajudou a comprometer a estrutura da barragem, provocando o rompimento de parte dela e não causando estragos de imediato. Assim, a população das áreas de risco conseguiu ser retirada a tempo. Até o momento não há o registro de vítimas fatais.

A previsão é de que as chuvas continuem na região até o início da próxima semana, com redução gradativa da intensidade. Os modelos apontam acumulados até a segunda-feira (15) entre 40 e 60mm.

Publicidade