Semana de tempo instável e risco de temporais no CO e no SE

Após a passagem de uma frente fria, uma região de cavado mantém o tempo instável ao longo da semana em boa parte das regiões Centro-Oeste e Sudeste. Apesar do risco de temporais, as chuvas ainda não serão bem distribuídas.

Tiago Robles Tiago Robles 07 Out. 2019 - 12:50 UTC
A chance de ocorrência das chuvas aumenta. No entanto, o padrão ainda é isolado com risco de temporais pontuais. Chuvas mais volumosas ocorrem no SE.

A frente fria que provocou chuvas neste fim de semana em Santa Catarina, Paraná, Mato Grosso do Sul e no estado de São Paulo, agora se encontra mais afastada no oceano e uma região de cavado consegue manter o tempo instável ao longo da semana nas regiões Centro-Oeste e Sudeste. No entanto, entanto as chuvas não generalizadas e os maiores volumes são esperados para o leste do Sudeste e norte do Centro-Oeste. Já no Sul, o tempo firme predomina e a sensação é de frio.

Previsão do tempo até a quarta-feira

Nesta segunda-feira (07), bastante nebulosidade no Centro-Sul do Brasil devido à presença de uma região de cavado. O dia fica nublado em todo o estado de Santa Catarina, no Paraná, norte e nordeste do Rio Grande do Sul. Previsão de chuva ao longo do dia de fraca a moderada intensidade no norte catarinense e em todas as regiões do Paraná, com risco de temporais por volta do fim da tarde no Norte Pioneiro.

No Centro-Oeste e no Sudeste, bastante nebulosidade com tempo mais firme somente nos estados de Minas Gerais e de Goiás. Ocorrência de chuva fraca a moderada ao longo do dia no Mato Grosso do Sul, oeste e sul do Mato Grosso. A partir da metade da tarde, instabilidades começam a se formar e provocam pancadas isoladas na metade sul de Goiás, no norte do Mato Grosso do Sul, metade norte e leste do Mato Grosso, metade sul de Minas Gerais, no estado de São Paulo e no Rio de Janeiro. No fim da tarde e na parte da noite, há alerta de temporais e chuvas volumosas no leste e norte paulista, no sul mineiro e no oeste do Rio de Janeiro.

Na terça-feira (08), o dia começa nublado e com chuva de fraca a moderada intensidade no leste e norte de São Paulo, no Triângulo Mineiro e sul de Minas Gerais, no Rio de Janeiro e no sul de Goiás. Na parte da tarde, há previsão de pancadas mais intensas e risco de temporais nessas áreas e no Mato Grosso e norte do Mato Grosso do Sul. Na Região Sul, o tempo firme predomina em todo o Rio Grande do Sul e sul de Santa Catarina. Já no Paraná o dia continua nublado com chuvas ocorrendo na parte da tarde na porção central e norte do estado. No leste da Bahia as chuvas ocorrem com fraca a moderada intensidade somente pela manhã até o início da tarde.

Na quarta-feira (09), uma área de baixa pressão se forma próximo a costa da Região Sudeste e pela manhã há previsão de chuvas de moderada a forte intensidade no leste paulista, Triângulo Mineiro, sul de Minas Gerais e no Rio de Janeiro, com risco para transtornos como alagamentos. No restante do dia as chuvas continuam a ocorrer com fraca a moderada intensidade. No Centro-Oeste, bastante nebulosidade em boa parte da Região com chuvas pela manhã no sul de Goiás e no norte do Mato Grosso. A partir do meio da tarde, pancadas isoladas atingem esses estados e o norte do Mato Grosso do Sul, com risco de temporais pontuais.

Tendência para o restante da semana

Na quinta-feira (10), tempo instável se mantém sobre as regiões Centro-Oeste e Sudeste, com chuvas pela manhã no sul de Minas Gerais, norte e leste de São Paulo. Na parte da tarde, as chuvas ganham intensidade e se espalham para o Triângulo Mineiro, Rio de Janeiro, sul de Goiás, norte do Mato Grosso do Sul e no Mato Grosso, levando risco para temporais e chuvas mais abrangentes. Já na Região Sul, o tempo firme predomina nos três estados.

Na sexta-feira (11), as temperaturas voltam a subir e as chuvas perdem intensidade e abrangência, mas mesmo assim há previsão de pancadas isoladas na metade sul de Minas Gerais, centro-norte de São Paulo, em todo o Mato Grosso do Sul, oeste e sul do Mato Grosso e no norte do Paraná.

Publicidade