Chuvas se espalham pelo país e frio atinge todo o Centro-Sul

Nesta semana as chuvas se espalham pelo Brasil Central e há previsão de volumes de chuvas entre 80 e 100 mm no Centro-Oeste e no Sudeste. Massa de ar frio também passa a atuar no Sul o Brasil e temperaturas caem em todo o Centro-Sul.

Tiago Robles Tiago Robles 21 Out. 2019 - 12:41 UTC
Chuvas volumosas passam a ocorrer no Centro-Norte do país e temperaturas diminuem bastante no Centro-Sul.

A semana começa com a presença de uma frente fria no oceano, na altura do sul da Bahia, e da atuação de uma região de cavado no Sul do Brasil. A presença desses dois sistemas, proporcionaram um início de segunda-feira (21) em boa parte do país, com chuva forte em Santa Catarina, Paraná, Mato Grosso do Sul, Goiás e no Mato Grosso. As temperaturas diminuíram bastante e as mínimas não passaram dos 15°C em praticamente toda a Região Sul, centro-leste de São Paulo e sul de Minas Gerais.

No decorrer na semana, uma massa de ar fria avança pelo sul do Brasil, diminuindo ainda mais as temperaturas no Centro-Sul e contribuindo para o predomínio do tempo firme. Já no restante do país, bastante nebulosidade e chuvas volumosas.

Destaques até quarta-feira

Na tarde desta segunda-feira (21), o tempo segue nublado em boa parte do país, com chuvas de fraca intensidade no Rio Grande do Sul, moderada no oeste de Santa Catarina e de moderada a forte intensidade no Paraná, Mato Grosso do Sul, sul e oeste do Mato Grosso, São Paulo, Minas Gerais e no estado de Goiás. As chuvas também atingem o oeste da Bahia, o Tocantins e o sul dos estados do Maranhão e do Piauí, porém, de forma isolada.

Durante a noite as chuvas diminuem em boa parte do Centro-Sul e a massa de ar frio consegue avançar, provocando bastante frio na Região Sul, no Mato Grosso do Sul, no estado de São Paulo, no Rio de Janeiro e no sul de Minas Gerais. Ainda há previsão de chuva moderada a forte na metade sul de Minas Gerais e nos estado de Goiás e do Mato Grosso.

Na terça-feira (22), tempo mais firme para o oeste da Região Sul e sul do Mato Grosso do Sul. Tempo bastante nublado em toda a costa leste brasileira com chuvas de fraca intensidade pela manhã. A exceção fica para o estado do Espírito Santo, sul de Minas Gerais e o Rio de Janeiro, onde chove com moderada a forte intensidade ao longo do dia.

No restante do país bastante nebulosidade e chuvas de fraca a moderada intensidade pela manhã no Tocantins, oeste da Bahia, sul do Maranhão e do Piauí, metade norte de Goiás e estado do Mato Grosso. A partir do meio da tarde, passa a chover com maior intensidade e em uma área região maior, que abrange o norte do Paraná, o estado de São Paulo, estado de Minas Gerais, norte e leste do Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, estado de Goiás, Bahia, Tocantins e metade sul dos estados do Maranhão e do Piauí.

Na quarta-feira (23), o tempo fica mais firme no Rio Grande do Sul, oeste de Santa Catarina, centro, oeste e noroeste do Paraná, oeste paulista e no estado do Mato Grosso do Sul, devido ao avanço da massa de ar frio. Bastante nebulosidade no noroeste gaúcho e na faixa leste que vai de Santa Catarina até o Rio de Janeiro, onde há previsão de chuva fraca e isolada pela manhã.

O dia fica nublado e com chuvas na metade norte de Minas Gerais, no Espírito Santo, metade sul e oeste da Bahia, em Goiás, no Tocantins e no sul do Maranhão e do Piauí. As chuvas ocorrem de modera a forte intensidade no território mineiro e capixaba. Na parte da tarde, as instabilidades se espalham e há risco de temporais no Pará, Tocantins, norte e oeste do Mato Grosso, em todo o estado de Goiás, oeste e sul da Bahia, norte do Espírito Santo, metade oeste de Minas Gerais e norte de São Paulo.

Publicidade