tempo.com

Mauna Loa: o maior vulcão do mundo no Havaí entra em erupção após 38 anos!

Após 38 anos, o maior vulcão do mundo entrou em erupção nas ilhas havaianas. Aqui ficam os vídeos, a situação e algumas curiosidades geológicas do Mauna Loa.

Mauna Loa, o maior vulcão ativo do mundo, localizado no arquipélago havaiano, entrou em erupção há poucas horas causando a queda de cinzas vulcânicas e material piroclástico em áreas próximas, segundo autoridades locais. A erupção, a primeira em 38 anos, começou na noite de domingo (27) e está afetando - conforme relatado pelo US Geological Survey - a caldeira do cume do vulcão, localizada na Ilha Grande, verificando fontes de lava.

Atualmente, informa o USGS, os fluxos de lava estão contidos na área do cume e não ameaçam as comunidades próximas. No entanto, um alerta vermelho foi emitido para a aviação devido à emissão de cinzas em grandes altitudes.

Durante semanas, os vulcanólogos estiveram em alerta para uma série de terremotos registrados no cume do vulcão. A última erupção deste enorme vulcão foi em 1984. Nenhuma das erupções mais recentes de Mauna Loa causou qualquer fatalidade.

O Mauna Loa, um dos muitos vulcões que compõem o arquipélago vulcânico do Havaí, é um típico vulcão em escudo, ou seja, originário de erupções efusivas, com emissão de lava muito fluida.

Estas lavas percorrem muitos quilômetros antes de arrefecerem, dando origem a encostas ligeiramente inclinadas e enormes edifícios vulcânicos, com um perfil muito diferente, por exemplo, dos vulcões de camada, produto de erupções explosivas.

Mauna Loa tem uma particularidade: além de ocupar uma imensa superfície de largura, aproximadamente 5.100 km² e 120 km de extensão (não é por acaso que na língua havaiana o nome do vulcão significa 'Montanha Longa'), e além de subir até 4.169 metros acima do nível do mar, sua base está a cerca de 5.000 metros abaixo do nível do mar.

Portanto, se considerarmos também o edifício vulcânico submarino, o vulcão estende-se por uma área muito vasta. Os cientistas calculam que o volume de Mauna Loa é de pelo menos 75.000 km³. Portanto, considerando também a parte submersa pelo mar, é a maior construção vulcânica do mundo.

Segundo estudos de geólogos, os primeiros fluxos de lava do vulcão teriam surgido no fundo do mar e nos flancos submarinos dos vulcões adjacentes Hualālai ou Mauna Kea entre 0,6 e 1 milhão de anos atrás. O vulcão provavelmente surgiu acima do nível do mar há cerca de 300.000 anos e vem crescendo rapidamente desde então.

O vulcão também é conhecido por outro motivo: na verdade, abriga um observatório para medir as concentrações de CO2 na atmosfera, cujos dados são usados mundialmente para acompanhar o aumento da concentração desse gás de efeito estufa devido às atividades humanas.