StoreWindows10

Semana de bastante chuva em boa parte do Brasil

No decorrer desta semana as instabilidades continuam a se formar em praticamente todo o país, com alertas para a ocorrência de temporais e acumulados elevados. O tempo fica mais firme somente em parte do Nordeste e nos estados do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina.

Tiago Robles Tiago Robles 03 Jan. 2018 - 14:08 UTC
Primeira semana de ano novo chuvosa no Brasil.

Nesta terça-feira (02) uma frente semi-estacionária na altura de Santa Catarina contribuiu para a manutenção do tempo instável nas regiões Sul, Sudeste, Centro-Oeste e Norte. Em decorrência da formação de uma baixa pressão atmosférica, próximo à costa catarinense, as instabilidades ganharam força nos estados do Paraná, do Mato Grosso do Sul e de São Paulo. Nas demais localidades do país, houve bastante nebulosidade e pancadas de chuva isoladas.

A partir desta quarta-feira (03), o mesmo sistema de baixa pressão se desloca para norte, acompanhando a faixa litorânea até o Rio de Janeiro, se mantendo ativo até o próximo fim de semana. Assim, para quem passa as férias no litoral, esses próximos dias não serão muito proveitosos. Previsão de tempo mais firme, somente a partir de meados da semana seguinte.

Quantidade de chuva acumulada do dia 02 ao dia 08.

No Rio Grande do Sul, Santa Catarina e centro-leste do Paraná, a nebulosidade tende a diminuir no decorrer da semana provocando sensação de abafamento ao longo do dia. Na madrugada as temperaturas diminuem bastante, trazendo uma leve sensação de frio. Nas regiões serranas do Sul do país, as mínimas ficam entre 12°C e 14°C. Já no litoral baiano e nos estados do leste do Nordeste a sensação é de calor o dia todo.

Alertas de mau tempo

Alertas de chuva moderada a forte até o domingo (07), com previsão de acumulados de até 300mm no litoral paulista e do Rio de Janeiro. Atenção redobrada nas estradas, principalmente na parte da tarde, quando estão previstas as chuvas mais intensas. Já nas áreas com previsão de chuva do interior do país, os alertas é para temporais e descargas elétricas.

Publicidade