Tempestade de neve causa engarrafamento fatal no Japão

Esse inverno tem sido muito rigoroso no Japão, com a atuação quase ininterrupta de poderosas tempestades de inverno. Nessa terça-feira, uma nova nevasca assolou o norte do país e causou um grande engarrafamento fatal numa via expressa.

Nevasca Japão
Mais de 130 veículos estiveram envolvidos num engarrafamento numa via expressa do Japão após forte nevasca nessa terça. Foto: Kyodo/ Reuters.

O inverno de 2020/21 tem sido mais rigoroso que o normal no Japão. Nas últimas semanas fortes nevascas tem assolado o país, com algumas regiões chegando a acumular o dobro de neve esperada para essa época do ano!

Nessa terça-feira (19), uma poderosa nevasca cobriu grande parte do norte e nordeste do país, afetando todos os meios de transporte e causando uma colisão fatal de vários veículos numa via expressa. O engavetamento ocorreu numa rodovia (Tohoku Expressway) na cidade de Osaki, distrito de Miyagi, por volta do meio-dia (hora local) de terça, envolvendo mais de 130 veículos e ocupando um quilômetro da rodovia.

Cerca de 200 motoristas e passageiros foram afetados pelo acidente, 12 pessoas ficaram feridas e foram encaminhadas para hospitais, um homem faleceu. As imagens áreas do acidente mostram que toda a estrada e arredores ficaram cobertos de neve após a tempestade, e os ventos fortes continuaram soprando durante o resgaste.

As autoridades da região haviam imposto um limite de velocidade de 50 km/h nessa via devido à baixa visibilidade causada pela queda de neve, porém, a medida não foi o suficiente. De acordo com a sede regional da Agência Meteorológica do Japão, foi registrada uma velocidade máxima do vento de 100 km/h, um recorde para o mês de janeiro, perto do local por volta das 11h55, minutos antes do acidente.

Essa não é a primeira vez que uma nevasca é responsável por um acidente de trânsito dessa dimensão no Japão nesse inverno. No mês passado uma poderosa nevasca deixou mais de 1000 veículos presos na via expressa Kanetsu por dois dias, em Niigata. Uma outra tempestade deixou 1 500 veículos presos na neve na via expressa Hokuriku nesse mês, além de causar a morte de pelo menos 10 pessoas.

Desde dezembro o Japão tem registrado recordes atrás de recordes em termos de acumulados de neve, devido a atuação sucessiva de poderosas tempestades de inverno. No final de semana retrasado a profundidade de neve acumulada na cidade de Toyama passou de 1 metro pela primeira vez em 35 anos. Mais ao norte, em Takada, na prefeitura de Niigata, foi registrada a impressionante profundidade de 249 centímetros de neve numa altitude próxima ao nível do mar, esse é um valor esperado para regiões bem mais altas e montanhosas!