Ásia atingida por dois ciclones tropicais

Atualmente a tempestade tropical Bulbul afeta o sul da Ásia entre a Índia e Bangladesh. Mas um outro ciclone tropical que está no mar da China atingirá a costa do Vietnã amanhã, região recentemente impactada com a passagem da tempestade tropical Matmo.

Bruno César Capucin Bruno César Capucin 09 Nov. 2019 - 13:08 UTC
Ciclone tropical visto do espaço por satélite.

Enquanto a tempestade tropical Bulbul realiza landfall (momento em que o centro do ciclone adentra o continente) entre a Índia e Bangladesh, o tufão Nakri se aproxima perigosamente da costa do Vietnã, recentemente afetada por outro ciclone. Tufão, ciclone tropical e furacão se tratam do mesmo sistema atmosférico. No entanto, cada região do mundo adota um desses termos.

Bulbul teve sua gênese como uma onda tropical a leste das Filipinas entorno do dia 25 de outubro. Após passar sobre as Filipinas, a onda tropical configurou uma circulação fechada. As águas quentes do mar da China Meridional e o fraco cisalhamento vertical do vento favoreceram a intensificação do sistema para uma tempestade tropical (nomeada de Matmo) em 30 de outubro. No dia 31, Matmo atingiu parte do litoral do Vietnã com ventos de aproximadamente 112 km/h.

Entretanto, uma jornada inusitada aconteceu. Após a tempestade atingir o Vietnã, sua circulação mesmo enfraquecida permaneceu ativa durante seu trajeto para oeste sobre terra firme (cerca de 1.800 km), algo não muito comum de ser observado. Foi então em 2 de novembro que a circulação remanescente do Matmo adentrou a Baía de Bengala na costa de Myanmar. Até o dia 7 de novembro, Matmo se dirigiu para noroeste, atingindo novamente o status de tempestade tropical. Contudo, o departamento de Meteorologia da Índia renomeou o sistema para Bulbul.

Atualmente, a tempestade torpical Bulbul já atinge o continente entre a Índia e Bangladesh com ventos na ordem de 157 km/h e rajadas de aproximadamente 194 km/h. Há potencial para impactos. Radares meteorológicas detectam chuvas fortes em parte de ambos países. Na estação meteorológica na cidade de Digha (na rota do ciclone), o vento registrado no momento do preparo deste artigo é de 40 km/h. As regiões que Bulbul provoca intensa precipitação estão vulneráveis a inundações, visto que vários rios banham as planícies entre a Índia e Bangladesh.

Cerca de uma semana após a costa do Vietnã ser golpeada pela tempestade tropical Matmo, o tufão Nakri se desloca em direção ao litoral do país. Embora o tufão esteja classificado como categoria 1, a previsão é que o sistema perca intensidade nos próximos dias, chegando na Ásia como uma tempestade tropical. De acordo com os modelos numéricos, Nakri fará landfall em Binh Thanh, um dos distritos da cidade de Ho Chi Minh durante o domingo. Vale a pena lembrar que, uma tempestade tropical sustenta ventos que variam entre 63 a 118 km/h, mas as rajadas podem superar os 118 km/h.

Publicidade