StoreWindows10

Os 5 ventos importantes em meteorologia

Vento não é tudo igual! De onde ele vem e pra onde ele vai pode definir características importantes, fazendo deste vento notório e único. Por isso, vamos conhecer cinco tipos de vento que são muito importantes em meteorologia.

César Ferreira Soares César Ferreira Soares 22 Set. 2018 - 11:13 UTC
Imagem Ilustrativa de uma Usina Eólica

Com esse título você deve estar se perguntando: “Ué! Mas vento não é tudo igual?”. A resposta é não. Em meteorologia, a origem do vento informa muito sobre ele, entender as características do local de onde ele se formou e como ele se comporta faz de alguns ventos únicos, tanto que recebem nomes especiais. Vamos ver o 5 ventos que se destacam em meteorologia?

Vento Minuano

Começando pelo “brasileiríssimo” vento minuano. É uma forte corrente de ar que chega na Região Sul após a passagem de frentes frias durante o outono e o inverno. É um vento de origem polar que sopra de sudoeste, ou seja, é muito frio.

Vento de Santa Ana

Esse vento ocorre na região do sul da Califórnia e passa por um processo catabático, ou seja, ele passa por uma região de cordilheiras e ao descer fica quente e muito seco. Ele é responsável por espalhar fogo pela região e por esse motivo também é conhecido como “vento vermelho”. O mesmo processo ocorre no Mediterrâneo, mas lá esse vento é chamado de Mistral. No Japão ele é chamado de Oroshi.

Vento Zonda

Um vento quente e seco que ocorre no oeste argentino, próximo à Cordilheira dos Andes. Ao descer por montanhas e chegando em vales e planícies, ele se aquece por um processo adiabático, na qual não há troca de calor com o ambiente, ou seja, as alteração de temperatura ocorrem através da compressão ou dilatação da parcela de ar.

Vento Siroco

Também conhecido por vento xaroco. Mais um vento quente e muito seco que sopra do deserto do Saara em direção ao litoral norte da África. Ele é responsável por gigantescas tempestades de areia e aparece principalmente em situações de baixa pressão sobre o mar Mediterrâneo.

Vento Descuernacabras

É um vento que ocorre na província de Extremadura na Espanha. Ele sopra de norte e é muito forte, pode ocorrer em qualquer época do ano. É capaz de destruir plantações, matar pássaros e rebanhos. A lenda diz que este vento é capaz de arrancar os chifres das cabras, por isso este nome peculiar.

Publicidade