Nasa criou “nuvens espaciais” artificiais

Depois de diversas tentativas de lançamento nos últimos 30 dias, um foguete Malemute Terrier-Improved foi finalmente lançado desde a instalação de aviões Wallops em Virgina, às 4:25 da manhã do dia 29 de Junho de 2017.

Christopher Becke capturou esta imagem estrelar de Williamsburg, Virgina. “Estava a 132 Km do lugar de lançamento, porém não houve problemas para ver o foguete e as nuvens“, disse.

Durante o vôo de 8 minutos, o foguete despegou 10 latas do tamanho de latas de refrigerantes a mais de 161 Km sobre a superficie da Terra. Os recipiente dispensaram bario, estroncio e óxido cúprico, que interaturam formando vapores verde azulado e vermelho vísivel desde Nova York até Carolina do Norte.

De acordo com a agencia espacial, os elementos químicos “não supõe nenhum perigo para os residentes ao longo da costa do Atlántico”.

“A medida que os recipientes se abriam, as cores em erupção eram vivas e brilhantemente aparentes”, informa a observadora Susan Milligan de Williamsburg VA. As fotos não são fiéis visualmente.

Tais nuvens permitem aos cientistas no solo, seguir visualmente os movimentos de partículas na borda do espaço, gerando novos conhecimentos sobre a dinâmica da ionosfera da Terra.

Spaceweather.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *