Encontrado buraco negro de cinco dimensões que pode “quebrar” a teoria de Einstein

Foi desenvolvido por pesquisadores das universidades de Cambridge e Queen Mary e pela Universidade de Londres, um novo modelo de buracos negros que poderá contrariar absolutamente todo nosso conhecimento até agora sobre a Teoria da Relatividade de Albert Einstein. Foi realizada uma simulação por computadores das universidades acima, o buraco negro fino em formato de anel, que apresenta algumas protuberâncias mais grossas e conectadas por cordas, que eventualmente, ficam tão finas que terminam por se transformar em pequenos buracos negros.

Veja o vídeo do estudo publicado pela Revista Physical Review Letter pela teoría de Michio Kaku:

Mais informações em Wired e ScienceAlert

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *